domingo, 13 de julho de 2014

Brasão de Armas do Comando Distrital de Vila Real


Ordenação heráldica:

O CORONEL - é representativo da Polícia de Segurança Pública constituído por arco liso com virolas nos bordos superior e inferior, encimado por quatro estrelas de seis pontas, das quais três são aparentes. O intervalo entre cada duas estrelas consecutivas é preenchido por um falcão estendido, tudo de ouro.
ESCUDO – de azul, com uma reixa a prata, ladeada por duas torres de ouro, abertas, iluminadas a vermelho e lavradas de negro.
DIVISA - num listel de branco, ondulado, sotoposto ao escudo, em letras de estilo elzevir, maiúsculas de negro “P’RA CÁ DO MARÃO".


Simbologia:

A REIXA - representativa da ponte levadiça, simboliza as portas da cidade de Vila Real mandadas construir em 1289-1293 por D. Diniz, que lhe concedeu o foral.
AS TORRES - simbolizam a cidadania do Burgo de Vila Real de Panoias e a segurança e protecção dos seus habitantes agora a cargo da PSP.
O OURO - significa nobreza e fé.
A PRATA - significa pureza e bom senso.
O AZUL - significa lealdade e galhardia.
O VERMELHO - significa valor e ânimo.
O NEGRO - significa obediência e firmeza.
A DIVISA - representa o carácter das gentes de Trás-os-Montes bem como o seu esprito são e independente.

Ordem de Serviço n.º 97, I Parte do Comando-Geral de 20 de Junho de 1983